Conheça os diferentes tipos de peelings

Hoje em dia é difícil saber a idade de uma mulher e já me vi errando por quase vinte anos de diferença. O que é isso? Mágica? Não, tecnologia. Os avanços na área do rejuvenescimento são enormes. Tratamentos para pele que não existiam há cinco anos hoje são comuns e até acessíveis, como alguns peelings faciais. Eu sou louca pra experimentar mas ainda não fiz embora seja bem ligada em tratamentos para a área do rosto.

São vários os tipos de peelings, e a gente ouve muito essa palavra por conta disso. A dermatologista Christiana Blattner, da Dermatolaser, explica abaixo algumas diferenças entre os tipos de peelings para decidirmos qual o mais adequado para nós ( ou para matar a curiosidade mesmo, informação é sempre muito útil ). Vamos a cada um dos tipos:

peelingdiamante

O peeling mecânico, ou dermoabrasão, provoca a descamação da pele por atrito. “Dentre o peeling mecânico, optamos pelo peeling de diamante. Com uma lixa diamantada bem fina, vamos esfoliando a pele, provocando a renovação celular. A pele fica mais macia e brilhante na mesma hora”, comenta Renata B. Podolsky, esteticista da clínica Dermatolaser. “O peeling de diamante não é agressivo, pois não chega à derme – é mais superficial. Pode ser feito uma vez por semana e, dependendo do caso, após a limpeza de pele”, aconselha.

peelingquimico
O peeling químico, como o nome diz, usa produtos químicos para ‘amolecer o cimento intercelular onde estão as células’. “É comum associarmos o peeling químico ao peeling mecânico, para um resultado mais eficaz. É algo rápido, indolor e potencializa a descamação”, completa Renata.
Lasers Fracionados – para as camadas mais profundas da pele.

peelinglaser
De atuação nas camadas mais profundas da pele, os Lasers CO2 fracionado e FRAXEL são as opções mais procuradas para o rejuvenescimento facial. Indicados para as linhas finas da face, principalmente em torno da boca, contorno dos olhos, das maçãs do rosto e testa, os lasers conseguem atuar com profundidade, chegando à segunda camada da pele, o que estimula a remodelação do colágeno, diminui a flacidez e, consequentemente, proporciona um aspecto mais jovem à pele. O procedimento é realizado com anestésico potente, sendo praticamente indolor, e dura aproximadamente meia hora. Esse é considerado o que há de mais moderno em rejuvenescimento da pele. Serve também para manchas e cicatrizes.

www.dermatolaser.com.br

 

Foto: reprodução de internet

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *