Post especial: Dicas para novas mamães

large (1)

Você que se tornou mãe recentemente e está reavaliando sua carreira pode trabalhar em uma organização maternal ou mesmo começar seu próprio projeto. Veja seis características divertidas deste novo perfil de empreendedora, destacadas pela engenheira Taís Viana, fundadora do CineMaterna, sessões de cinema amigável para mães com bebês, www.cinematerna.org.br

1) Novo jeito de fazer
Inventamos este trabalho para atender uma série de demandas pessoais. Atualmente, ser mãe é um desafio para as mulheres, que oscilam entre largar o trabalho e ficar com o bebê ou vice-versa. Para atender nosso anseio de alimentar tanto o lado profissional como o materno, criamos nossa forma de trabalhar: adotamos o Home Office, para ficarmos próximas aos bebês.

2) Novo esquema
Para manter a eficiência trabalhando em casa, é preciso montar um esquema – telefone, celular, internet, babá, um local de trabalho separado – e ter muita disciplina. Também é necessário abrir mão de um escritório físico para as reuniões, que acontecem nas residências, cafés ou outros locais públicos.

3) Novas tecnologias
Amamos a tecnologia e fazemos dela nossa grande aliada para manter o alinhamento com equipes e administrar à distância a realização das sessões CineMaterna em todas as cidades do Brasil em que estamos presentes (55 cidades) e o funcionamento dos processos e do próprio negócio Assim, Dropbox, Skype, WhatsApp, Google Apps, entre outros aplicativos, fazem parte da nossa rotina.

4) Novas prioridades
Mãe às vezes se ausenta: pode ser uma noite mal dormida, um filho doente, reuniões na escolinha. O fato é que muitas surpresas podem acontecer no nosso dia-a-dia. Todas nós já passamos por isso e cobrimos as emergências das outras, nos viramos quando alguém está com o filho no- hospital e não pode ir a uma reunião importante. Para nós, filho é mais importante que qualquer negócio.

5) Planejamento familiar
Com uma equipe de mulheres e um ambiente cheio de bebês, é frequente que alguém da equipe esteja tentando engravidar, por isso, incentivamos e celebramos quando elas conseguem. Apoiamos as escolhas de parto – em especial o normal – e a amamentação. Sabemos que a força de nosso grupo contribui para o sucesso nestes dois quesitos, já que a experiência positiva de todas dá ânimo à mãe mais recente.

6) Novos hábitos
As mães do CineMaterna – trabalhando ou frequentando – formam uma irmandade, em que se apoiam, compartilham experiências e aprendem novos recursos para continuarem sendo práticas no trabalho e na vida, como o uso do sling, carregador de pano para bebês.
*Taís Viana é co-idealizadora do CineMaterna, iniciativa que promove sessões de cinema amigáveis para mães (e pais) com bebês de até 18 meses.

Foto: We heart it

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *