TUDO sobre dieta líquida: cardápios, dicas e boas ideias

As dietas líquidas servem para muitas coisas. Quem já fez alguma cirurgia e foi obrigado a fazê-la sabe que ela funciona. O corpo desintoxica, afina e fica bem hidratado. Mas se é tão maravilhosa assim porque não fazemos sempre? Por dois motivos importantes que precisam se abordados logo no primeiro parágrafo desse post: Uma é que ninguém consegue ficar muito tempo sem comer alimentos sólidos e segundo que se ela não for muito balanceada, pensada e consciente o corpo pode ficar com déficit de nutrientes.

Pensando nisso vamos pensar em um de cada vez. Primeiro, se não conseguimos ficar tanto tempo assim sem comer vamos estabelecer uma duração, um limite razoável dentro das nossas possibilidades para realizarmos a nossa dieta. Tenho certeza que com uma semana já teremos resultados, nos sentiremos melhor, com a barriga mais murchinha e uma sensação de leveza que nos impulsionará a continuarmos uma dieta balanceada com alimentos sólidos a partir dessa primeira semana. Segundo, com a dieta de uma semana conseguimos resolver essa também. Buscamos para o post de hoje receitas indicadas pro nutricionistas experientes. Seguindo o planejamento sugerido certamente não haverá problemas para quem é saudável e está liberado para seguir uma dieta.

O que são dietas líquidas?

As dietas líquidas atraem muitos adeptos e podem ser de diferentes tipos, algumas são focadas em sopas outras em sucos e há aquelas que envolvem diversos alimentos líquidos ou pastosos. O que podemos ingerir? Todo o cardápio é composto apenas por líquidos ou alimentos pastosos, como sucos, shakes, caldos entre outros. Não tem porque não fazermos refeições líquidas muito gostosas sejam elas quentinhas – para a estação fria – ou geladas – para o verão.

 

Dietas líquidas emagrecer?

Calma, como qualquer dieta você precisa manter um saldo negativo de calorias no seu corpo. Caso você ingira menos calorias do que gasta, estas dietas ajudam na perda de peso. Porém, se ela consumir a mesma ou mais calorias do que gasta no dia, o peso irá se manter ou aumentar.

Porém, mantendo o balanço energético ( comendo menos do que se gasta ), o efeito de aceleração do metabolismo e a ação de desintoxicar o organismo fazem dessa dieta um sucesso. Sem falar que por ser composta somente por líquidos você ficará muito bem hidratada e deixará um aspecto rejuvenescedor na pele.

Desvantagens da dieta líquida

Pois como tudo nessa vida, a dieta líquida requer alguns cuidados para que você tenha êxito e colha os benefícios dela. Vamos listar alguns abaixo:

  • Não pode praticar exercícios pois seu corpo não está ingerindo energia necessária para isso. Tente segurar sua vontade de correr e até de socializar com o pessoal da academia. Pode ir, fazer algo leve que não te faça gastar tantas energias.
  • Não proporciona uma reeducação alimentar. Essa aqui é muito verdade, afinal você só mudou a forma de comer por uma semana.
  • Esse tipo de emagrecimento rápido aumenta as chances de um ganho de peso posterior. Cuidado mesmo! Já que perdeu, emende uma dieta sólida quando passar uma semana. Assim os efeitos vão ser cada vez melhores. Se perdeu quatro quilos com a dieta líquida continue motivada para perder mais seis e fechar dez! Com a ajuda de um programa de exercícios é algo bem possível e que pode mudar seu corpo.
  • Só pode ser feita por poucos dias. Já combinamos que será uma semaninha só, não é?

Vantagens da dieta líquida

Já falamos alguns ao longo do post mas acho que esses aqui complementar bem o assunto:

  • Consumo de alimentos saudáveis: Como a maioria das dietas líquidas consistem em sopas e sucos ou vitaminas naturais um ponto positivo do método é que ele estimula o consumo de frutas, legumes e verduras
  • Fácil adesão: simples e prática de fazer, a dieta líquida contém opções comuns nas refeições dos brasileiros. Dessa forma, fica mais fácil de acostumar com o plano alimentar e seguir a dieta.

Cardápio para dieta líquida

 

Aqui está o cardápio sugerido. Não tem apenas líquidos. O que não é líquido pode ser substituído pelas receitas do final do post. Assim você pode manter a dieta líquida por uma semana e continuá-la seguindo o cardápio após uma semana. Ao final dele temos algumas receitas nutritivas e saborosas para usar quando achar melhor.

 

Primeiro dia:

Café da Manhã: café ou chá, juntamente com maçãs e peras;

lanche: suco de fruta sem açúcar;

Almoço: sopa ou maçãs;

Lanche da tarde: suco de fruta sem açúcar;

Jantar: sopa e peras;

Variante: maçãs e peras podem ser substituídas por uma grande variedade de frutas, que pode ser cozinhado ou enlatado sem adição de açúcar. Evite uvas e bananas.

 

Segundo dia:

Café da manhã: café;

Lanche: chá;

Almoço: sopa, beterraba ou chicória ou escarola e brócolis cozidos;

Lanche da tarde: chá ou café;

Jantar: sopa ou 200 g de batatas cozidas com 10 g de manteiga;

Variante: as batatas com a manteiga pode ser substituída por 350 de cogumelos cozidos com azeite extra-virgem 2 colheres de chá.

 

Terceiro dia:

Café da manhã: café ou chá com pêra e abacaxi;

Lanche: Suco de fruta sem açúcar;

Almoço: sopa ou cenouras cruas ou alcachofras cozidas;

Lanche da tarde: suco de fruta sem açúcar;

Jantar: sopa ou pimentão, berinjela e abobrinha na grelha;

Variantes: peras e abacaxi, Café da manhã pode ser substituído por uma escolha de frutas, que também pode ser cozido ou enlatado sem adição de açúcar. Continue evitando as uvas e bananas.

 

Quarto dia:

Café da manhã: cappuccino preparado com 200 ml de leite desnatado e bananas;

Lanche: chá ou café;

Almoço: 200 g de iogurte e uma banana;

Lanche da tarde: chá;

Jantar: sopa preparada com 200 ml de leite e uma banana

Variante: 200 g de iogurte pode ser substituído por 150 g ricota ou 120 g de queijo mozarela, ou queijo azul.

 

Quinto dia:

Café da manhã: café;

Lanche: chá;

Almoço: 300 g de peixe cozido (bacalhau, linguado, pescada) e tomates;

Lanche da tarde: chá;

Jantar: sopa ou 200 g de peixe grelhado (robalo, pregado);

Variantes: no almoço a 300 g de peixe grelhado pode ser substituído por 300 g de lula ou choco grelhado; jantar 300 g de peixe grelhado pode ser substituído com 150 g de atum em água ou 100 g de salmão.

 

Sexto dia:

Café da manhã: café;

Lanche: chá;

Almoço: um ou dois bifes de carne grelhado com abobrinha e erva-doce no vapor;

Lanche da tarde: chá;

Jantar: sopa ou 300-400 g de frango assado sem pele ;

Variante: um jantar em vez de frango assado que você pode comer 250 g de peru assado.

 

Sétimo dia:

Café da manhã: café;

Lanche: Suco de fruta sem açúcar;

Almoço: 150 g de arroz integral com legumes a gosto, ou espargos, cebola e cenoura cozida no vapor;

Lanche da tarde: suco de fruta sem açúcar;

Jantar: sopa e beterrabas e pepinos;

Variantes: um pequeno almoço você pode adicionar 2 fatias de pão integral com 2 colheres de chá de geleia sem açúcar.

 

Receitas para dieta líquida

 Suco antioxidante

200 ml de água

4 acerolas

3 morangos

1 fatia pequena de melancia

Coloque os ingredientes no liquidificador e bata por 10 segundos e sirva em seguida.

 

Suco contra gripe

200 ml de água

1 maracujá

1 laranja sem casca

Raspas de gengibre

Coloque os ingredientes no liquidificador e bata por 10 segundos e sirva em seguida.

Salada de frutas com chia

4 morangos picados

1 fatia de melão picado

1 fatia de manga picada

1 maçã pequena picada

6 uvas rubi picadas

1 pote de iogurte natural

3 colheres de sobremesa de chia (separar)

Misture todas as frutas já picadas com o iogurte. Coloque em uma tigela. Sirva em seguida. Adicione a chia para dar um charme e mais energia na sua salada. Rende 3 porções.

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *